Câmara Municipal de Ponta Porã


Mulheres foram homenageadas em sessão solene na Câmara Municipal de Ponta Porã


Publicado em: 03-03-2020


As mulheres fronteiriças foram homenageadas pela Câmara Municipal de Ponta Porã na tarde desta terça-feira, 03 de março. A sessão solene em Homenagem ao Dia Internacional da Mulher foi realizada com um Plenário lotado.

Os vereadores de Ponta Porã entregaram honrarias àquelas que são consideradas destaques no desenvolvimento do município. Foram homenageadas profissionais de diversas áreas: médicas, enfermeiras, policiais, vacinadoras, cabeleireiras, manicures, líderes religiosas, professoras, mães e chefes de família, donas de casa, advogadas, empresárias, artistas, servidoras públicas, profissionais empreendedoras.  

            A sessão solene foi comandada pela vereadora Anny Espínola, 1ª vice-presidente da Câmara Municipal de Ponta Porã e coordenadora do Parlamento Feminino da Fronteira que reúne vereadoras de diversos municípios do Mato Grosso do Sul e de cidades fronteiriças do Paraguai e Bolívia.

            A mesa das autoridades foi composta pelas três vereadoras da Casa de Leis (Anny, Neli Abdulahad e Beth Almeida), pela primeira dama do Município, Vânia Peluffo, que representou o prefeito Hélio Peluffo Filho; a secretária especial de Cidadania de Mato Grosso do Sul, Dra. Luciana Azambuja Roca que representou o governador Reinaldo Azambuja na solenidade; a delegada regional da Delegacia de Atendimento à Mulher, Dra. Marianne Cristiane de Souza e Dra. Nina Negri Shnaider, Conselheira Estadual da OAB-MS.

            O evento teve um momento todo especial com a apresentação da cantora e compositora Nilza Terezinha que cantou a música “Oh Linda Ponta Porã”, de sua autoria e do cantor Jonatas, da Fundação de Cultura e Esporte de Ponta Porã, que cantou clássicos da MPB em homenagem às mulheres: as músicas “Dona” do Roupa Nova e “Como é Grande o Meu Amor Por Você”, imortalizada por Roberto Carlos. A artista Carol Ucheli declamou o poema “Mulher”, emocionando todos os presentes na solenidade.

            Cada parlamentar pôde homenagear quatro mulheres. A entrega das honrarias foi aplaudida pelo Plenário lotado de convidados especiais para a sessão solene.

            Em seu discurso, a vereadora Anny Espínola destacou o trabalho da Casa de Leis no apoio às iniciativas que visam garantir mais espaço à mulher fronteiriça no mercado de trabalho e também mais segurança, pois os casos de violência doméstica são numerosos na região.

            Segundo ela, o momento atual exige um comportamento diferente de muitas pessoas no tocante ao papel desempenhado pela Mulher no contexto social. “O lugar da mulher é onde ela quiser. Para isso, é preciso respeito, amor, carinho e tolerância”, declarou sendo bastante aplaudida.

            A secretária especial de Cidadania do Governo do Estado, Dra. Luciana Azambuja, destacou em seu pronunciamento o histórico de conquistas das mulheres no Brasil. “O direito de votar veio em 1932. O divórcio, em 1977. E somente em 2006 é que conseguimos, por meio da Lei Maria da Penha, tipificar a violência contra a mulher como crime que merece uma punição mais rigorosa. A violência preocupa na medida em que atinge a mulher trabalhadora, mãe de família, empreendedora. A mulher tem o direito de terminar uma relação e continuar viva. Sair de casa e voltar do trabalho com sua integridade física preservada”.

Sobre isso, a secretária disse que neste ano, infelizmente, já foram registradas seis mortes violentas de mulheres em Mato Grosso do Sul. No ano passado foram registrados 18.689 boletins de ocorrências de diversos tipos de agressões sofridas pelas mulheres no estado.

A sessão solene foi encerrada pela vereadora Anny Espínola que agradeceu a presença de todos e destacou a harmonia registrada na Câmara Municipal entre os 17 vereadores, sendo que três são mulheres.

Sessão Ordinária

Antes da sessão solene os vereadores participaram da 5ª sessão ordinária do ano. Na pauta a apresentação de indicações, leitura e votação de matérias importantes para a população. Os trabalhos da sessão ordinária foram coordenados pelo presidente da Casa de Leis, vereador Rony Lino Miranda.


Fonte:  Assessoria CMPP


Fotos:  Lécio Aguilera