Vereadores querem saber como é feita a fiscalização dos contemplados em casas populares
12/07/2016
FacebookTwitterGoogle Bookmarks
kamel-saad

Os vereadores da Casa de Leis encaminharam durante a sessão desta terça-feira, 12 de julho, ao prefeito, Ludimar Novais, ao promotor do Ministério Público Estadual, Dr. Gabriel da Costa Rodrigues Alves, à diretora da Agência Municipal de Habitação (Habiporã), Mary Cristhyane Brum Vieira e presidente do Conselho Municipal da Habitação, Derlis Silva, a solicitação de esclarecimentos em relação de como é realizada a fiscalização dos órgãos competentes do Conjunto Habitacional Kamel Saad, em relação aos contemplados.

Segundo os parlamentares, “a Câmara Municipal de Ponta Porã vem recebendo famílias que solicitam deste órgão, apoio em relação à fiscalização das pessoas que foram sorteadas no Conjunto Habitacional Kamel Saad, pois há contemplados que estão avaliando preços para venda das casas ou repassando para terceiros. De acordo com a legislação não é permitido transferir as residências sem a respectiva quitação além de impedir que os imóveis sejam repassados a outros”.

Além disso, os parlamentares também explicaram que o objetivo é que o processo se torne transparente e justo para a população que realmente necessita. 

Assessoria
Lucho Rocha